PianoClass Facebook Logo
.top-nav-bar
Contacto e mais informações

Tags: , , ,

Ó Abre Alas

Terça-feira de carnaval! Que tal lembrarmos como esta festa começou a ser realmente nossa?

Das festas da elite nos grandes salões embaladas ao som das danças europeias ou das danças de rua adaptando folclores, hinos, óperas, quadrinhas e até marchas fúnebres, o carnaval teve o primeiro passo para ganhar a sua real identidade com a marchinha “Ó Abre Alas” de Chiquinha Gonzaga, composta em 1899.

A publicação oficial aconteceu apenas em 1939, já consagrada há muito pelo povo. A própria compositora fez várias versões para diferentes grupos instrumentais e assim a marchinha foi gravada em diversos arranjos.

Apenas em 1917 o carnaval passou a ter música regularmente e só na década de 1920 nasceram as escolas de samba.

De lá para cá muito mudou, mas a qualidade musical, a leveza e graça desta marchinha a fizeram uma constante no carnaval brasileiro.

Com vocês, “Ó Abre Alas” de Chiquinha Gonzaga, interpretada por Fernanda Machado:

A letra original de “Ó Abre Alas”, não é tão conhecida:

Ó abre alas
Eu quero passar
Ó abre alas
Eu quero passar
Rosa de Ouro
Não pode negar
Rosa de Ouro
Não pode negar

Pois tradição popular a consagrou assim:

Ó abre alas
Que eu quero passar
Ó abre alas
Que eu quero passar
Eu sou da lira
Não posso negar
Eu sou da lira
Não posso negar
Ó abre alas
Que eu quero passar
Ó abre alas
Que eu quero passar
Rosa de Ouro
É que vai ganhar
Rosa de Ouro
É que vai ganhar

Você pode cantá-la como preferir e se quiser tocá-la também, aqui está o link da partitura.

Se precisar de ajuda com a leitura ou ao piano, escreva para nós. 😉

 

Referências do texto: Site Chiquinha Gonzaga

551

Comunidade Piano Class

Gostou do nosso Blog? Aproveite para fazer parte da nossa comunidade e fique a par de novos artigos, lançamento de e-books, vídeos e promoções.